sábado, 22 de novembro de 2008

A Semana!

E que semana!!!
Nem parecia uma semana de novembro, mas parecia uma semana de julho, saímos quase todos os dias!!!
- Segunda:
Isolda ligou dizendo que estava indo com alguns professores (da tarde) para um barzinho e me chamou. Vai pra onde? Vai pra onde? Segunda é difícil de saber para onde ir, nem todos os bares abrem e terminamos indo para a ‘Praça da Cerveja’, um bar que fica na Encruzilhada, mas foi bem rapidinho, saímos por volta das 19:00. Aline saiu logo só tomou um copo de cerveja (a filhinha de 8 meses estava doente), ficamos Eu, Isolda, Leandro (que conheci no dia da festa do Sindicato dos Professores), Diego e Guilherme. Mesmo tendo ficado pouco tempo nos divertimos muito e rimos pra caramba, até declarações teve, com direito a improviso e tudo mais. Kkkkkkkkkkkkkkkkk!

- Terça:
Isolda me ligou dizendo que estava indo para o ‘El Chicano’ com os meninos, o ‘Chicano’ fica na rua atrás da minha casa, nem precisa dizer que fui parar lá NE??? Só estavam Leandro e Diego, mas sabem que foi o suficiente para termos uma noite agradável e muito engraçada? As piadinhas começaram com a comemoração do dia dos professores que foi em Itamaracá e continuaram com o Banheiro do bar. É isso mesmo, fizemos piada até com o banheiro do bar! Vou explicar:
Fui ao banheiro e depois Isolda foi, quando ela voltou...
-Sabe que só hoje percebi que a água da descarga é azul???
- Kkkkk! Sério? (EU)
- ????? (Os Meninos)
Então explicamos que quando damos descarga a água sai azul e que o banheiro é todo decorado com espelhinhos enfeitados. E eu disse que tinha curiosidade de saber como era o banheiro masculino e eles também ficaram curiosos, então foram ao banheiro. Claro que aproveitamos para fazer piadinhas infames porque estavam indo juntos ao banheiro... mas o mais engraçado foi quando voltaram dando gargalhadas...
- ?????? (Eu e Isolda)
- Kkkkkkkkkkkkkkk (Eles)banheiro de bar de rico é outra coisa!
- ????? (nós)
- Fomos lá, demos um “mijão” e na hora de enxugar a mão tava Leandro olhando o negócio do papal sem saber como fazia pra o papel sair. (Diego)
- Diego, vê se tu acerta como tira o papel, porque não tem nenhum botão, nada pro papel sair...
- Peraí, deixa ver. Tem um pedaço de papel vou puxar.E colocou a mão por baixo do suporte.
Zuuuuuuuuum. O papel desceu. Colocou a mão outra vez desceu mais papel. E kkkkkkkkkkkkkkkk pra lá, kkkkkkkkkkkkkkk pra cá, kkkkkkkkkkkk pra acolá...
É que tem sensor de presença, então quando colocamos a mão o papel desce... Depois eles viram que tem uma luzinha vermelha piscando. Quando contaram, morremos de rir... Falando assim nem é engraçado, mas com a dramatização deles, de Diego principalmente...
Não demoramos muito, porque Renata (irmã de Isolda) ligou pedindo para Isolda levá-la na faculdade para ela entregar um trabalho. Mas Isolda não estava com muita vontade de ir pra casa, então ligamos para outra professora e fomo para a Rural, ela disse que tinha um barzinho legal, ‘Conterrâneo’ (se não me engano). E mai uma vez rimos, Leandro não estava, terminou indo para casa, mas estavam Diego, Natália (a professora para qual ligamos) com dois amigos, Renata, Isolda e Eu, Guilherme chegou logo depois, foi ótimo, muito engraçado... Fazia tempo que não ria tanto como nesses dois dias!

- Quarta:
Ficamos nas nossas casas (bem, pelo menos eu e Isolda)

- Quinta:
Isolda saiu com Gisele e me ligaram para sairmos e conversarmos.
- To sem grana, acho que vou não. (Eu)
- Menina, Estou te chamando! Também to com pouco dinheiro, vamos fazer um programa ‘ligth’ se arruma que já estou chegando! (Isolda)
- Tá bom!!!! (Eu)
Fomos a um barzinho chamado ‘Toca da Joana’, o ambiente é ótimo e só toca música boa, ficamos conversando, olhando o movimento e voltamos para casa. Quer dizer, íamos voltar para casa, mas deixamos Gisele na encruzilhada para ela pegar o ônibus e resolvemos ir até a ‘Praça da Cerveja’, as meninas (Lu, Amanda e Alê), estavam lá, nas quintas e sábado tem forró pé-de-serra, ligamos para os meninos, mas só Leandro foi... Dancei tanto que fiquei com os cabelos molhados.
PS: Ainda encontramos meu irmão com uns amigos. Muita coincidência, Amanda até perguntou se tínhamos combinado.

- Sexta:
A principio não iríamos sair, pois foi farra a semana toda e a mãe de Isolda tava meio braba, mas pouco depois do almoço Isolda ligou dizendo que Renata perguntou se ela não queria levá-la na faculdade e de lá ir pro ‘Bar da Kelly’ que fica ao lado da UFPE e tem forró, nos animamos, tínhamos um álibi: ficaríamos esperando Renata sair da aula.
Quando chegamos lá tinha um número MUITO grande de homens e quase mulher nenhuma, claro que os olhares se voltaram pra gente, uma olhou pra outra... Vamos ficar aqui não, só nós duas e essa quantidade toda de homem, vamos ser “comidas”. Resolvemos ir para o ‘Bar da Curva’ que fica ao lado da UFRPE, mas estava muito cheio, não tinha nem lugar para sentar, então resolvemos ir para o ‘Guaiamum treloso’. Os meninos não puderam ir e ficamos só Isolda e Eu. Foi bom que aproveitamos para conversar...
Ufa! Que semana movimentada!!!

Hoje tem a comemoração do aniversário de kinha, foi na segunda, dia 17/11.

A semana passou, não fomos caminhar na ‘Jaqueira’ e nem fizemos uma coisa que tínhamos comentado que seria legal fazer: Ir no Pátio do Carmo para a ‘Terça Negra’. A ‘Terça Negra’ acontece o ano todo, mas iríamos essa semana porque no dia 20/11 foi o dia da ‘Consciência Negra’ e a semana toda teve programação para comemorar e na terça além dos ‘Tambores silenciosos’ ia ter uma Banda Cubana e um monte de coisa do Movimento Negro. Gostamos muito dessas manifestações culturais...

Não comentei nada aqui sobre o dia da ‘Consciência Negra’, não passou despercebido, mas é que vi que muitos blogs abordaram o assunto de forma tão bonita e critica que achei desnecessária a repetição. Mas uma coisa não posso deixar de falar: Abomino qualquer tipo de discriminação, seja Racial (branco, negro, índio, mulato, amarelo..), Religioso (católico, evangélico, espírita, mórmon...), Social (rico, pobre, classe média...)...
Não deveria existir este tipo de diferença, não deveria existir dia disso, dia daquilo, dia desse, dia daquele... O dia, todos os dias são de todos e para todos. Sei que é um pouco utópico, mas prefiro continuar acreditando que um dia o mundo será melhor e contribuir para que seja realmente... Quando pensei neste assunto me veio uma música à cabeça:

“Depende de nós
Quem já foi
Ou ainda é criança
Que acredita
Ou tem esperança
Quem faz tudo
Pr'um mundo melhor...


Depende de nós
Que o circo
Esteja armado
Que o palhaço
Esteja engraçado
Que o riso esteja no ar
Sem que a gente
Precise sonhar...
...”

Não sei por que pensei nesta música, mas gosto dela!

Quero propor uma coisa:
Que tal fazemos uma Blogagem Coletiva sobre os tipos de preconceito? Não sei se já foi feito alguma vez, mas acho interessante!!!!

Vou indo, Kinha deve ta pensando que não vou!!!!!


Beijos a Todos!
Tenham um Ótimo Final de Semana!!!!!

7 comentários:

Isolda Fontes disse...

Realmente! Minha amiga, que semana foi essa hein? Fazia tempo que nós não nos divertíamos tanto! Engraçado e pra ficar na memória foi a resenha do banheiro dos meninos! Rsrsrsrsrsrsrs! Eita, Senhor!

Jens disse...

UAU,que farra. Semana gostosa. Que venham outras.
Beijo e uma bela semana.

Sieger disse...

yo quiero ir para el Chicano! Besos!

DO disse...

Pois tem mais é que sair e se divertir mesmo. Pq só junho??

Beijos!!

Cecília disse...

Não, Dozinho, não é so julho, mas fiz uma comparação com a semana de julho que saimos todos os dias (De domingo a domingo).

loba disse...

menina! fiquei até com inveja desta sua semana, viu? que delicia!!!!
sabe que eu tb adoro esta música! e acho que ela cabe bem dentro do que vc escreveu. ser ou não ser consciente, ser ou não ser preconceituoso só depende de cada um de nós, né?
Beijocas!!!
Amei a sua entrada no AO. Vai ser ótimo ter vc no grupo!!!

ELIANA ALVES disse...

Amiga,

muito obrigada.

Um grande abraço.